Sobre

Oiê! :)

Eu sou a Amanda Aragão (ou @amanda__aragao, por aí, nas internerds). Carioca que odeia calor e não vai à praia. Winterborn. Jornalista graduanda de Letras – Português/Inglês e me metendo a aprender italiano. Teacher, revisora free-lancer, entusiasta de internet e comunicação. Troco qualquer saída por um bom filme (ok, troco até por uma série ruim mesmo). Cheiradora de livros temperamental. Juro que um dia vou aprender a tocar bateria, lutar boxe e voar de asa-delta, mas morro de medo de altura e sofro de falta de coordenação motora. Leitora compulsiva, de gosto musical duvidoso, em um eterno caso de amor e ódio com as redes sociais. Um pouquiiinho desbocada. Muitos piercings e algumas tatuagens. Curiosa toda a vida. Amando um cara foda.

E não gosto de me descrever.

Sou daquelas pessoas antiquadas que acham que, se você quer saber mais sobre o meu ~~jeitinho~~, é muito mais legal me convidar pra um chope do que ficar destrinchando minhas páginas na internet.

Mas, pra você, que não vai me convidar pra um chope:

contatobloglovin’curiouscattwitterinstagramfacebookgoodreads ∙ snapchat: a.mendoapinterestgoogle+instapaper ∙ youtube ∙  tumblr-diarinhofilmowabout.me ∙ medium

 

O Tem que ter por quê? é um blog pessoal. ❤ Nasceu depois de muitas outras andanças minhas pela internet e anos e anos e anos e anos de blogosfera, além de uma inquietação enorme de dividir aquelas minhas opiniões que são diferentes das de todo mundo. Seu título foi descaradamente retirado do poema “Razão de Ser”, de Paulo Leminski. Aqui você vai encontrar… bem……… eu não faço a menor ideia do que você vai encontrar aqui. Mas sou legal, juro! ;D

Vem, gente!   \o/

sending virtual hug